Em alguns países europeus e da América do Norte há uma prática bastante comum entre os jovens de fazer uma espécie de “ano sabático”. A expressão inglesa gap year se refere ao intervalo entre o ensino médio e o ingresso na Universidade, onde muitos estudantes optam por fazer intercâmbios voluntários. Na Alemanha, este período é genericamente conhecido como “ano social”, e pode ser realizado tanto por cidadãos europeus quanto fora da UE e não possui um tempo específico para realização. O período do serviço voluntário pode ser de 6 a 24 meses, a regra, porém é um ano completo.

Para os interessados é possível se voluntariar nos seguintes programas: Freiwilliges Soziales Jahr (FSJ), Freiwilliges Ökologisches Jahr (FÖJ), Bundesfreiwilligendienst (BFD), europäischer freiwilligendienst (EFD). Cada categoria possui especificidades que devem ser observadas antes da solicitação do visto nacional para prestação de serviço voluntário, emitido pela representação alemã consular. Para este tipo de trabalho, o visto, via de regra, é emitido por 90 dias. Assim, é permitida a viagem, dentro do prazo preestabelecido, para que ao chegar na Alemanha seja realizado, imediatamente, o cadastro no Departamento de Estrangeiros competente pelo seu novo local de residência, só assim será possível receber a autorização de moradia/residência.

Algumas premissas para prestação de serviço voluntário na Alemanha são:

  • Para o programa de Freiwilliges Soziales Jahr (FSJ) e Freiwilliges Ökologisches Jahr

(FÖJ) ter 17 anos e até o final do período de serviço, 27 anos de idade.

  • Para o Bundesfreiwilligendienst (BFD) não há limites de idade.
  • Possuir certificação de idioma alemão de nível A1.
  • Ter como objetivo da viagem a aquisição de habilidades, engajamento, abertura para outras culturas.
  • Sobre o financiamento, um contrato deverá ser feito entre o/a interessado/a e a instituição que o/a acolherá para esclarecer informações sobre mesada, hospedagem, seguro social, etc.

Freiwilliges Soziales Jahr (FSJ)

Para o/as interessado/as em fazer o ano social na Alemanha, o Freiwilliges Soziales Jahr (FSJ) é um canal direto entre as instituições parceiras que fomentam os serviços voluntários de âmbito social, sendo restrito a jovens entre 15 e 26 anos de idade. Um FSJ dura em média cerca de 6 a 18 meses, em casos excepcionais, 24 meses. Durante esse período, os jovens trabalham em uma instituição voltada para o bem comum e recebem uma mesada mensal, além de uma ajuda no custeio da hospedagem e alimentação. É possível, por meio do FJS, trabalhar em creches, hospitais, centros de cultura juvenil, clubes esportivos ou organizações políticas que desempenham uma função social para a comunidade.

Você pode acessar diretamente o site do FSJ para ter acesso a informações detalhadas sobre os programas e sobre as entidades acolhedoras e as vagas ofertadas você pode acessar Aqui. É importante frisar que após verificar a disponibilidade de vagas para o serviço que deseja prestar, você deve se atentar em firmar o contrato, com o detalhamento das atribuições, deveres e responsabilidades, antes de solicitar o visto, pois um dos documentos obrigatórios exigidos é o contrato com o vínculo.

Certifique-se das exigências para solicitação do visto Aqui.

Se você ainda está na dúvida, se este é realmente o caminho viável para você, confira Aqui relatos da ex-aluna do CCBA, Lucé Rodrigues, sobre diversas experiências com o FSJ.

Freiwilliges Ökologisches Jahr (FÖJ)

O Freiwilliges Ökologisches Jahr (FÖJ) e o Ökologischen Bundesfreiwilligendienst (ÖBFD) são os programas de voluntariado voltados a ações de preservação e conservação do meio ambiente, associados a entidades civis que trabalham em pró de uma melhoria da qualidade de vida global, preocupando-se com as gerações futuras. A duração e os requisitos para solicitação do visto são os mesmos que o FSJ. Deve-se atentar, sobretudo, para a certificação do idioma exigido – nível A1- para agendar previamente o teste em uma das instituições oficiais.

A FÖJ preocupa-se com questões relacionadas a poluição, alterações climáticas e com o declínio da biodiversidade vegetal e animal, com intuito de desenvolver competências relacionadas à “Educação para o Desenvolvimento Sustentável” (ESD) ou “Bildung für nachhaltige Entwicklung” (BNE). Além de ser uma excelente oportunidade para quem tem interesse em atuar na área ambiental, o FÖJ possibilita um intercâmbio de conhecimentos enriquecedor para o currículo de quem pretende trabalhar na Alemanha.

No mesmo campo de trabalho, o ÖBFD é uma variante “verde” do serviço voluntário federal da Alemanha com campos de atividade relacionados a natureza e proteção ambiental, como educação ambiental, horticultura ecológica ou agricultura orgânica, conservação prática da natureza, proteção climática ou cooperação para o desenvolvimento.

É possível acessar a plataforma oficial dos programas e verificar as ofertas de vagas e os procedimentos a serem feitos para cada uma delas, Aqui. Além disso, você confere detalhes sobre as atividades e os projetos em andamento.

Bundesfreiwilligendienst (BFD)

O Serviço Voluntário Federal (BFD) é interessante principalmente para aqueles maiores de 27 anos de idade que desejam se voluntariar em serviços sociais durante um ano (via de regra). Para esta modalidade tem-se ainda a possibilidade de trabalhar com crianças, adolescentes e pessoas idosas. Os trabalhos associados ao BFD podem abranger áreas desde cultura, ecologia, integração, projeto social, cinema e esportes. Para conferir as instituições e as vagas disponíveis você pode acessar o site oficial do BFD Aqui.

Assim como para as demais categorias de prestação de serviço voluntário, o visto é de caráter obrigatório. Portanto, faz-se imprescindível verificar os requisitos e a documentação exigida antes de ir ao consulado, para não perder o dia do agendamento. Você pode conferir os requisitos Aqui.

Algumas das formalidades referentes ao “BFDBundesfreiwilligendienst” diz respeito ao contrato que deverá ser assinado pelo/a interessado/a e pela Agência Federal para Assuntos de Família e Sociedade Civil (BAFzA) e pela instituição receptora onde o serviço será prestado, pela central da entidade e eventualmente pela entidade que organiza o serviço voluntário (entidade mantenedora). Neste caso também é necessário solicitar a autorização de residência no Departamento de Estrangeiro logo após a chegada no território alemão, respeitando o prazo máximo de validade do visto. Por ser um processo relativamente burocrático é recomendável um planejamento prévio para que não haja o risco de perder a vaga desejada.

Europäischer Freiwilligendienst (EFD)

O Serviço Social Europeu é uma das alternativas de intercâmbio cultural cujo destino não se limita apenas à Alemanha, mas abrange todos os países pertencentes à UE. Atrelando o aprendizado ao trabalho voluntário, este tipo de programa permite que o/a interessado/a trabalhe com crianças, jovens e pessoas idosas em projetos sociais, ecológicos e culturais. O período previsto de atuação é de 2 a 12 meses, variando com a necessidade do trabalho no projeto. Para se candidatar basta ter entre  17 e 30 anos.

Para além de uma possível quota-parte das despesas de viagem, a participação no Serviço Voluntário Europeu é gratuita. O valor do subsídio para as despesas de chegada e saída depende da distância até o país de destino. O programa JUVENTUDE EM AÇÃO Erasmus + cobre todos os outros custos na íntegra e custeia alguns serviços como alimentação, hospedagem entre outros. Para melhor detalhamento, acesse Aqui

Para se candidatar, você deve pelo menos com oito meses de antecedência procurar uma organização de envio que o colocará em um projeto de admissão adequado e o ajudará com o planejamento futuro. Você pode encontrar a lista das organizações na base de dados do Portal

Europeu da Juventude, clicando Aqui. Os prazos e condições de inscrição variam entre as diferentes instituições. Você também pode acessar a plataforma do EFD para conferir os projetos, atribuições e depoimentos de voluntários.

É necessário ficar atento com as questões burocráticas. Como uma das exigências obrigatórias para solicitação do visto desta categoria de serviço (EFD), o/a interessado/a deverá apresentar o contrato já assinado por uma Agência Nacional Erasmus + Juventude em Ação e organização coordenadora. O acordo sobre o serviço voluntário, no qual estão descritas as tarefas e resultados de ensino pretendidos, deverá ser assinado pela organização de apoio e pelo/a voluntário/a. Saiba mais sobre o visto Aqui.

Dentre as possibilidades de intercâmbio cultural para prestação de serviço voluntário busque sempre o que for mais viável, dentro de suas possibilidades e exigências do próprio programa, como idade mínima e máxima, custeio das despesas e tipo de atividade.

Confira abaixo mais informações sobre o “ano social” na Alemanha a partir da experiência da ex-aluna do CCBA, Lucé Rodrigues.

Para mais informações sobre sua experiência, acesse Aqui.

Certificação do Idioma

A participação dos programas sociais na Alemanha requer uma comprovação de conhecimento linguístico do alemão básico (A1). Para certificação do idioma é necessário realizar um dos exames oficiais de proficiência. Para os níveis básicos, A1 e A2, é possível fazer os testes OnSET Deutsch ou o Start Deutsch 1. Ambos os exames são aplicados pelo CCBA – Recife. Para fazê-los é necessário verificar o calendário semestral de aplicação de provas, disponível na página “certificados internacionais” e entrar em contato com um dos responsáveis.

Links importantes

Você encontrará informações detalhadas sobre os serviços de trabalho voluntário, nos links abaixo: